Associação Basquetebol de Castelo Branco
keyboard_arrow_left
keyboard_arrow_right

Mensagem do Presidente

Mensagem do Presidente
Tue, Jan 12, 2016 7:41 PM

 

Mais um ano se passou nesta Instituição que já conta com 59 anos de vida. 

Um ano atípico que está a por à prova a nossa resiliência desportiva. 

Tudo se encaminha para a não concretização de campeonatos, umas vezes adiados, numa constante incerteza.

Sei que estão desiludidos tanto atletas como dirigentes porque ficam projetos adiados, ideias não concretizadas, sonhos de vitórias programadas que não se realizam.

 

Numa análise mais aprofundada levar-nos-ia inevitavelmente a considerar que os elementos que compõem toda a atividade do Basquetebol, nas suas mais variadas formas de participação estão a ser postos à prova.

Os praticantes para quem o desporto é uma profissão ou um hobby exigente, difícil, provisório, mas gratificante, sentem na falta de competição a contrapartida que os entusiasma. Mas os desportistas de bancada que são cada vez menos praticantes e mais espectadores que nos pavilhões ou diante dos televisores se satisfazem assistindo ao espetáculo organizado e apresentado pelos clubes, também sofrem com esta paragem.

 

O Basquetebol em particular e o desporto no geral constitui um elemento essencial na educação. Habitua os jovens e os menos jovens à prática de uma boa higiene corporal e moral, bem como à perseverança no esforço, na resistência, no companheirismo e na lealdade. É neste sentido que gostava que cada um de vós visse a atividade desportiva e concretamente o Basquetebol, como indispensável no seu desenvolvimento harmonioso, porque esta modalidade desportiva proporciona sempre imagens espetaculares de destreza, habilidade, concentração e objetividade como nenhuma outra.

 

Estamos num Distrito do Interior, mas no Basquetebol temos 4 clubes a disputar os Campeonatos Seniores, o que muito nos orgulha. Diria mesmo que o Basquetebol do Distrito de Castelo Branco há muitos anos que nos deixa orgulhosos pelas participações que tem tido e queremos continuar a ser uma modalidade modelo com bons atletas, bons árbitros e com dirigentes à altura dos acontecimentos.

Perante este desafio pandémico do COVID19, para o qual neste momento não existe cura conhecida, não podemos desistir.   

 

O passado ensina-nos, se dele soubermos tirar lições, que o que importa agora é o futuro e para isso temos todos que estar alerta, ajustados ao contexto, ser rápidos, eficazes e focados nas rotinas de usar máscara e lavar as mãos com frequência, com boas práticas e comportamentos ajustados, vamos estar unidos na mesma causa para vencer este vírus.

 

Saúde para todos.

 

O Presidente,

Adérito Martinho Marques